Você está em Diversos > Curiosidades

Medalha do Mérito Contábil João Lyra

Em 1976, por ocasião do cinquentenário do Dia do Contabilista, comemorado em 25 de abril, o CFC (Conselho Federal de Contabilidade) instituiu a Medalha do Mérito Contábil João Lyra, pela Resolução CFC nº 440, honraria máxima da profissão.

A Medalha é cunhada em ouro, em forma de círculo, com cinco centímetros de diâmetro. No anverso estão, ao centro, a efígie do Patrono e, à direita, a inscrição Senador João Lyra. No reverso, em meio a um círculo de ramos de louro, os dizeres: Conselho Federal de Contabilidade, Mérito Contábil, 20 de agosto de 1976. Sua entrega é realizada nos Congressos Brasileiros de Contabilidade, realizados a cada quatro anos.

Ou seja, a Medalha do Mérito Contábil João Lyra é a homenagem mais valiosa que um contabilista brasileiro pode receber. Condecora aqueles que se destacam em atividades científicas, educacionais e profissionais ligadas à contabilidade e que tenham se distinguido de forma notável ou relevante, contribuindo, direta ou indiretamente, para elevação da classe contábil.

A Escolha dos Homenageados

Com a Resolução CFC nº 595 de 1985, a entrega da Medalha passou a ser concedida para uma única personalidade. Para a escolha do condecorado, o regulamento exige que o candidato possua, no mínimo, 20 anos de exercício da profissão ou seja autor de obra contábil com reconhecido valor.

A escolha é feita da seguinte forma: cada Conselho Regional de Contabilidade (CRC) enviará uma lista tríplice para o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), com os nomes dos candidatos, acompanhados por currículo. O Plenário do CFC escolherá, por maioria absoluta, o contador que será agraciado e que receberá, no Congresso Brasileiro de Contabilidade, a Medalha João Lyra e o Diploma.

OBS.: Os Conselheiros Efetivos e Suplentes do Sistema CFC/CRCs não poderão ser agraciados enquanto exercerem os seus mandatos.

Homenageados com a Medalha

1976 - Hilário Franco (SP)
1976 - Ulisses Celestino de Goés (RN)
1976 - Zilmar Bazerque Vasconsellos (RS)
1980 - Ynel Alves de Camargo (SP)
1984 - Olivio Koliver (RS)
1988 - Antônio Lopes de Sá (MG)
1992 - Militino Rodrigues Martinez (BA)
1992 - Sérgio Approbatto Machado (SP)
1996 - Ivan Carlos Gatti (RS)
2000 - Antonio Carlos Nasi (RS)
2004 - José Maria Martins Mendes (CE)
2008 - Eliseu Martins (SP)

Como referenciar: "Medalha do Mérito Contábil João Lyra" em Só Contabilidade. Virtuous Tecnologia da Informação, 2007-2018. Consultado em 23/02/2018 às 02:58. Disponível na Internet em http://www.socontabilidade.com.br/conteudo/medalha_joaolyra.php